Resenha,  Uncategorized

Pigmento vegano Green Equinox, cor Arcane – Alva Naturkosmetik

Recebi da assessoria da Alva Naturkosmetik, marca alemã de cosméticos orgânicos e veganos, o Green Equinox, que é um pó metalizado que pode ser aplicado de sete maneiras diferentes: como batom, gloss, blush, sombra, esmalte (mostrei aqui como fazer), máscara para cílios e delineador. 
A cor que recebi é a Arcane: um tom de prata com fundo esverdeado. Ela é lindíssima e fica legal para ser usada como sombra, esmalte ou delineador.
Gostei bastante da embalagem. Ela enrosca em cima e embaixo, o que permite encaixar uma embalagem na outra, fazendo um tubinho de pigmentos. É uma boa maneira de guardar, porque ocupa pouco espaço e também é legal pra levar na bolsa, pelo mesmo motivo. Ela ainda tem uma proteção de plástico com três furinhos, como você pode ver na imagem acima, que evita que o pó derrame. Mas para usá-lo, eu prefiro remover a proteção porque consigo pegar mais do produto.  
A pigmentação dele é muito boa e a textura é bem macia. Quando usado como sombra, o Arcane é bem fácil de ser espalhado/esfumado. Eu não sei quanto a durabilidade dele aplicada diretamente na minha pele, sem primer, mas o apliquei sobre uma base preta em uma maquiagem que fiz às 16:00 e às 23:00, antes de removê-la, a maquiagem ainda estava digna e acumulou pouquíssimo nas linhas da pálpebra. Lembrando que a minha é caidinha, mas não é oleosa.
Amostra no braço sob flash:

Pó aplicado diretamente na pele (sem primer), molhado, e sobre base preta, respectivamente.

Amostra no braço sob luz natural:

Pó aplicado diretamente na pele (sem primer), molhado, e sobre base preta, respectivamente.

Arcane no olho:

Composição:
Octyldodecyl Stearoyl Stearate, Zea Mays Starch, Zinc Stearate, Macadamia Ternifolia Seed Oil, Chamomilla Recutita Flower Extract, Camelina Sativa Seed Oil, Triticum Vulgare Germ Oil, Oenothera Biennis Oil, Yeast Polusaccharide, Vitis Vinifera Leaf Extract, Benzyl Alcohol, Dehydroacetic acid.
Cada Green Equinox custa R$ 39,90 e você pode encontrá-los na loja virtual da Alva.
Alguém aí já usou algo da marca? O que acharam? 
Beijo!

Oie! Aqui é Melissa, eu sou vegana e criei o Maquiando Sem Crueldade no intuito falar sobre maquiagem cruelty-free lá em 2012 - quando não se tinha muita informação sobre isso. Atualmente falo de maquiagem dentro de uma perspectiva do veganismo. Me acompanhe também no YouTube e no Instagram.

6 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *